Log in

Três são presos e laboratório de refino de cocaína é descoberto em Feira

Policiais Civis da Delegacia de Tóxicos e entorpecentes (DTE/Feira), descobriram por volta das 16h30 de ontem, sexta-feira (14), no bairro Parque Ipê em Feira de Santana, um laboratório para refino de cocaína.


Sob o comando da delegada Klaudine Passos e coordenação do delegado Alexandre Narita do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), os policias prenderam três homens e apreenderam 12 quilos de maconha, um pacote de crack e seis quilos de cocaína, além de dois liquidadores, uma prensa hidráulica, três balanças de precisão e material usado para manipulação de drogas.

De acordo com a delegada Klaudine Passo, os presos foram identificados como: Moisés Moreira Carneiro, 27 anos, morador do Parque Getúlio Vargas, Daniel Carneiro Souza, 30, morador da Rua Senhor do Bonfim no Distrito Governador João Durval (Ipuaçu), e Fabrício Luís Soares de Oliveira, o “Fal” 32, morador da Rua Sérgio de Carvalho, no Parque Ipê, onde a droga foi encontrada.

“Há cerca de dez dias recebemos uma denúncia anônima informando que havia na Rua Sérgio de Carvalho, uma movimentação estranha e que poderia se tratar de tráfico de drogas. Iniciamos as investigações e na data de hoje conseguimos flagrar três indivíduos chegando à residência com um pacote que nos deu a entender que se tratava de drogas. Aproveitando a saída de um deles nós realizamos uma abordagem e em seguida entramos na residência onde ratificamos a existência de um laboratório”, relatou a delegada Klaudine Passos.

De acordo com a delegada, a suspeita é de que a droga seria vendida em Feira de Santana e região. As investigações continuam e, segundo Klaudine, estima-se que o material apreendido esteja avaliado em mais de 500 mil reais. Todos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação ao tráfico. O laboratório funcionava em um dos cômodos da casa.

Acorda Cidade*Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Salvador Bahia